Esses dias conversando com uma amiga, ela me disse algo do tipo: "Você está amadurecendo...".

Amadurecer dói, incomoda, às vezes é chato. Mas é necessário.

Amadurecer não é se tornar uma pessoa conservadora e irredutível. É se tornar alguém que ouve mais, pensa mais, se preocupa mais consigo mesma e com os outros.

Pra ser um adulto amadurecido não é necessário apenas trabalhar e pagar contas, isso qualquer um faz. Na verdade, é saber o porque se está fazendo isso, é se organizar, pensar em quem depende de você e de quem você depende.

Amadurecer é reconhecer que errou, pedir desculpas e, principalmente, parar de repetir o erro. É saber qual é a hora do início e qual a hora do fim. É ter consideração com quem se gosta e respeitar quem não gostamos tanto assim. É saber chamar pra conversar quando as coisas não estão dando certo, ao invés de dar desculpas esfarrapadas sem sentido algum. É compreender que as pessoas mudam, chegam, ficam e, às vezes, vão embora.

Talvez eu esteja mesmo amadurecendo. E estou tentando lidar com isso.

Tags

comentários (0)

Sem comentários