Eu sou o robii hood da paixão* e contra o fascismo, o atraso, a barbárie, a violência, a retirada de direitos.


Eu sou a favor da defesa e do reforço da democracia, tão fragilizada após a sua manipulação sem escrúpulos feita para retirar a presidenta eleita da única forma justa e possível: através do voto.


Haddad não foi o meu candidato no primeiro turno e nem creio que ele seja o ideal no momento, mas a outra opção sequer é um candidato.


A outra opção é uma piada de mal gosto com o povo brasileiro. É o que há de pior no ser humano vestido como "salvador da pátria" em um teatro cuja plateia está vendada, cega, por ódio. E medo!


A nação está com baixa auto estima desde que viu as suas jovens instituições sendo "dibradas" por outro pretenso "salvador da patria" que se mostrou, além de um mal perderdor, apenas farinha(rs) do mesmo saco que ele mesmo condenava.


Chega de pretensos "salvadores da patria". É hora de votar em alguém imperfeito, que nem sempre andou com as melhores companhias, que erra como qualquer outro ser humano, mas cujas intenções são as melhores possíveis para o nosso país; pois afinal, a outra opção não pode ser nem considerada ser humano, pois representa apenas ódio a todas e todos que não são como ele. Seja por meio de retirada de direitos, de aumento de impostos, de falta de capacidade que já demonstrou em toda a sua vida pública e mesmo promessa de violência às minorias.


Eu sou Haddad 13, e a outra opção sequer deveria ser considerada opção.

*Referência á foto de perfil do Facebook que foi trocada no dia 07/10/2018 em homenagem ao dia das crianças, dessa vez com o tema de Haddad e Manuela 13

Tags

comentários (0)

Sem comentários